Cardápio para Almoço Antes do Primeiro Jogo do Brasil

Terça-feira, a partir das 15,30, começa  a Copa para o Brasil.

Mas, antes, todo mundo tem que almoçar!!!

Novamente, boca no Trombone mete a Boca na Botija. Conforme adiantei no Post do jantar para o dia dos namorados, já  estou preparando cardápios completos para os almoços nos dias de jogos   da  seleção.  Publico sempre com bastante antecedência para facilitar a coisa.

Serão sugestões simples, rápidas e práticas de cardápios completos. Todos os pratos podem ser preparados na véspera ou na manhã do jogo. 

Eu não gosto de beber durante o dia, mas futebol combina com cerveja e caipirinha.  Assim, não adianta complicar a coisa e pensar em vinhos.

Sugestão de cardápio para o primeiro jogo:

Esse picadinho do Prato Principal saiu há milhares de anos em um suplemento da revista Cláudia com os pratos que marcaram época.  Guardei a revista para mim.  Deu um vazamento e a revista se foi.  Pois não é que o pessoal da Redação da Revista me enviou por fax a reportagem inteira.  Eram pratos símbolos da nossa gastronomia das décadas de 50, 60 e 70.  Salvo engano: coquetel de camarão, esse picadinho, picanha fatiada.  Um dia publico os outros.

Entrada

Guacamoles

Prato Principal

Picadinho na Ponta de Faca com milho, arroz, farofa, banana frita

Sobremesa:

Abacaxi com Raspas de Limão.

+++++++++++++++++++++++++++++++++++

RECEITAS

Guacamole
Ingredientes – para cerca de 8 pessoas.  Pode multiplicar porque não tem erro.

4 xícaras de chá de abacate sem caroço e sem casca
1  de xícara de chá de  tomate pequeno sem peles, nem sementes, cortados em cubinhos.
1 de xícara de chá de cebola  bem picada
1  colher de sopa de coentro bem picadinha
6 colheres de sopa de suco de limão
2  colher de chá de    sal (vá testando e pondo mais)
4 colheres de sopa de  sementes de Romã
(Se não encontrar, não tem problema.  Não é indispensável)

100  gotas de  Tabasco vermelho

ACOMPANHAMENTO

4 pacotes de salgadinho de milho – Doritos sabor neutro

Preparo  

Em um teperwere, misture bem o abacate amassado com garfo, o tomate, a cebola, o coentro, o suco de limão,  o sal e o Tabasco.

Deixar fora da geladeira se for servir nas próximas horas  Caso vá demorar para servir, deixar um caroço de abacate dentro, o que evita que fique preto.  Isso vale para diversas receitas de pratos que levem “creme” de abacate.
Come-se descontraidamente, sem usar talheres,   mergulhando nacos do salgadinho de milho na pasta, acompanhado de tequila servida em pequenos cálices, margherita ou mesmo cerveja bem gelada.

+++++++++++++++++++++++++

PICADINHO NA FACA –

Acompanhamentos:  Arroz branco, farofa, ovo frito, banana a milanesa,  saladinha.

8 Porções (bem generosas)

 RECEITA

INGREDIENTES

 – 1kg gramas de porco (lombo)  CORTADO EM TIRINHAS

– 1kg gramas de carne de boi (acém) – CORTADO EM TIRINHAS

Peça para o açougueiro cortar em tiras bem fininhas as duas carnes

– Dezesseis  colheres de sopa de óleo

– Quatro cebolas grandes bem picadas

– Oito dentes de alho bem amassados

– Quatro xícaras de chá de milho em lata.

–  Duas xícara de chá de cogumelos fatiadaos

– 12 colheres de salsinha  picada.

MODO DE FAZER

 Com uma faca bem afiada, corte as carnes em pedacinhos bem finos (em tirinhas).

Numa panela aqueça o óleo e junta as carnes, a cebola e o alho.  Cozinhe mexendo de vez em quanto até que se evapore todo o líquido formado.

Deixe dourar mexendo de vez em quando.  Junte o milho e os cogumelos, frite por mais  uns 5 minutos. Acrescente água para que se forme um pouco de caldo.

Na hora de servir, aqueça.   Por fim acrescente a salsinha.

Servir com arroz, farofa, banana  a milaneza e ovo frito

saladinha, alface, tomate, cebola

Acompanhamentos:

Farofa receita para quem sabe cozinhar:

A FAROFA

Pegar duas cebola picadas e dourar na manteiga sem sal. Pôr uma quantidade razoável de manteiga para a farofa ficar bem molhadinha. Pôr sal e se quiser um pouco de pimenta comum; a malagueta, só um pouco do caldo. Por último, despejar  quatro xícaras a farinha de mandioca crua mexendo bem. Deixar um pouco no fogo baixo para dar uma torradinha mexendo sempre. Cuidado para não queimar a farofa que está no fundo da panela. Se quiser, pode salpicar 5 dentes de alho Picado.

Montar o prato com o arroz,  picadinho, a farofa, banana a milanesa.  Servir a saladinha em um prato separado.

++++++++++

Saladinha – Observações:

Lavar alface, os tomates e deixar de molho em água com desinfetante próprio.  Um pouco de cândida pode substituir.

Fundamental:  Secar as folhas em secador próprio, se possível.

O tomate, depois de cortado em rodelas, também precisa ser seco novamente.

Água das folhas e dos tomates, tiram todo o sabor do molho.

Molho da Saladinha

 Misturar duas colheres de chá de mostarda com cerca de cinco colheres de sopa de vinagre.  Misturar bem.  Por sal, misturar.  Acrescentar quase uma xícara de azeite, misturar bem.  Por 3 colheres de chá de mel, e misturar.  Montar a salada com a alface, tomates, as rodelas de cebola.  Regar com o o molho só na hora de servir.  Por orégano sobre os tomates.

++++++++++++++++

Sobremesa.

Abacaxi com Raspas de limão:

Oito rodelas grossas de abacaxi.  Particularmente, detesto frutas geladas.   Três punhados de raspas de casca de limão.

Salpicar sobre cada fatia de abacaxi um pouco de casca de limão.

ÓTIMA SOBREMESA E AINDA VERDE-AMARELA PARA DAR SORTE; ALIÁS, A ENTRADA TAMBÉM É VERDE-AMARELA (só não sei se o hífen permanece!!!)

1 comentário

  1. O negócio é preparar bem o estômago com as receitas do Mayr. Podem ter certeza que os jogos todos serão sofridos. O Dunga vai escalar três volantes para jogar até contra a Coréia. Assim, vamos ter que nos contentar com um magro 1×0.

  2. Com o tempo frio de amanhã, estará bom para comer uma boa feijoada e tomar umas caipirinhas de pinga ou vodka, para nós. Aos coreanos, cachorros. Eles adoram.
    Vai ser uma parada dura, pois os caras vão jogar numa retranca danada. Se a gente ganhar de 2×0 já será goleada.
    Vocês já sabem: se a seleção ganhar a Copa, nós ganhamos. Se a seleção perder, será a seleção do Dunga que perdeu. Ai as críticas vão começar por dizer que onde já se viu um técnico que nunca foi técnico de nenhum clube e deixar uma responsabilidade dessas para um noviciado.

  3. Pô Mayr, dezesseis colheres de sopa de óleo? Por que não uma xícara de chá de óleo? Bebendo a tequila, prestando atenção pra não exceder na colher e derramar e contar até dezesseis, acho que nao consigo? No resto, desculpe a brincadeira, esta tudo perfeito…
    ++++++++++++

    Caro Samuel:

    Acho que vc tem razão. Eu já fiz essa receita e, como tenho experiência na coisa, coloco a olho. Mas vc tem razão – é mais prático.

    Eu mesmo não vou fazer essa comida para mim, mas adoraria comer exatamente isso no almoço de Hoje.

    Em relação a essa receita, faltou um detalhe. Ela é da revista Cláudia. Vou citar a fonte lá no texto e vou ver se escrevo outro textinho rápido sobre Copa, naturalmente.

    Grande abraço

    Paulo Mayr

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s