Leia-se CLAVICULÁRIO

Simpático e homem que conhece – de verdade –  objetos, leitor André (não colocou o sobrenome) a propósito do texto de ontem, em que  eu disse que  funcionário de estacionamento inventou palavra, esclarece o mistério.

Precisava pegar uma coisa no meu carro, e o funcionário disse que se a chave não estivesse no para-brisa estaria no “Claviculado” (sic).

Cheguei em casa, não encontrei claviculado no meu Aurélio como sinônio de armário e e meti as “teclas  do meu teclado” em cima do cara, e da burocracia da Rede de Estacionamento.

Pois bem,  há pouco, precisa observação/correção  do André estava na minha caixa de comentários.  Diz ele apenas o seguinte:

Olá. Pelo que entendi, o funcionário queria dizer CLAVICULÁRIO = Móvel ou quadro onde se penduram as chaves. Termo muito utilizado na área de informática, onde se guardam as chaves dos armários dos servidores etc. É igual quando falam “estou com dor nos estrombago”.. rsrs

Perfeito, o André matou a pau a questão.

Agora, se a Rede de Estacionamento quer complicar o simples, que ao menos complique com eficiência e clareza!!!  Eu é que não posso chegar em casa, ainda que seja Dicionário Eletrônico, ir clicando palavra por palavra que se inicie por clav…???

Histórinha muito boa a esse propósito que já contei aqui.

No restaurante, o cliente pede o cardápio em Português.  Pernóstico, o maître informa que não há cardápios em português.  O Cardápio, todo escrito em francês,  era de couro e as páginas em pergaminho.  O cliente não tem dúvida.  Tira a caneta do bolso do paletó e começa a rabiscar o cardápio, corrigindo diversas palavras grafadas de forma incorreta.  Devolve para o maître estupefato, levanta-se, vai-se embora, mas antes determina:

– Se não há cardápio em Português, pelo menos escrevam em francês decente!!!

Eu poderia ligar para a Diretoria da Rede do Estacionamento, fazer uma síntese da história do claviculado ao invés de claviculário  e concluir tal qual o cara do cardápio:

– Se querem ser pernósticos, pelo menos ensinem seus funcionários a serem pernósticos  usando sempre  o termo pernóstico certo!!!

+++++++

Para ler o texto de ontem a respeito do “claviulado”, clique aqui

Anúncios

1 comentário

  1. Olá Paulo,
    Agradeço sua referência ao meu simples comentário. Bacana também apresentar novas observações sobre o claviculário rsrs… um objeto simples mas uma palavra estranha rsrs
    Há muita “diversão” no seu blog…
    Concordo contigo, se querem ser pernósticos que saibam ser…
    //Andre Inforzato
    ++++++

    Caro André

    Esse post, que eu devo a você, ficou muito enriquecido com seu comentário.
    Obrigado. Obrigado Duplo!!!!
    Grande abraço

    Paulo Mayr

  2. Trocando galhos por bugalhos,o fato foi mais ou menos assim.Um cliente de um modesto restaurante,chama o garçom
    e pede uma sopa.O Garçon meio embaraçado,pois era o primeiro dia de trabalho,leva a sopa em direção a mesa.Ao che gar no destino,tropeça e deixa a sopa cair nos pés do cliente,que diz com cara de revolta:Você esta maluco…seu desajustado…como foi fazer isso comigo,vou quebrar sua cara.O Garçon todo derrotado,derrama o resto da sopa no colo do cliente e vai embora.Moral da história:de nada adiantaria o Garçon pedir desculpas…pois o cliente todo raivoso….iria pedir uma dura punição ao funcionário.
    ++++++++++
    Caro Cícero:

    De maneira alguma eu sugeria aqui que se punisse o funcionário, espero que tenha ficado claro.
    Abraços
    Paulo Mayr

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s