Casualidades Malucas e Surpreendentes

Duas e meia da tarde de hoje, shopping da Zona Sul da Capital.  Supõe-se  que ninguém estivesse bêbado.

No banheiro masculino, entra uma mulher.  Dá de cara comigo.  Não teve dúvidas. Tirou a caixa de pó de arroz, arrumou os longos cabelos.  Não creio que fosse travesti. Ela viu a mim e outro sujeito, ambos, tampouco, sem qualquer traço de travesti.  Sem pressa, continuou arrumando o cabelo e retocando a maquiagem.

Ela sai, comento qualquer coisa  com o outro que estava lá.  O cara era mudo.

Depois disso, Espaguete ao Sugo no Spoleto do mesmo Shopping.  Molho tava bom/saboroso; massa no ponto perfeito de cozimento.  E o charme dos charmes.  No saquinho, além do garfo, uma colher.

Quanta casualidade estranha  em tão pouco espaço de tempo e espaço físico!!!

Para mim, comer talharini, “fetutine”, espaguete sem colher, além de inconcebível, é impossível.  Há quem ache deselegante usar colher.  Deselegante é sair da mesa  com a camisa  salpicada de molho, isso sim!!!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s