Diabo

Diabo, Chega de Moleza!!! Intensifica a Ocupação Aí no Inferno!!!

Estou pensando aqui comigo:

Por que  morrem mais pessoas do bem do que do mal?

Consegui encontrar duas razões.

  • Essa primeira é óbvia. Os do bem são em muito maior número.
  • O diabo já deve estar satisfeito com a população do inferno e só chama os novos habitantes quando eles já estão aqui  na Terra na  prorrogação do segundo tempo.  E chama  muito a contragosto.

Entretanto seria  muito legal se o diabo abrisse as poucas exceções de fato urgentes  e fosse despoluindo o nosso  Planeta

Afinal, como já disse algum colega frasista, às vezes a página de necrologia do jornal traz uma boa notícia.

Se bem que pessoas muito mixas (sem valor, ordinárias) não tenham suas mortes anunciadas nem em tablóides populares.  De qualquer forma, mesmo que não saia em   jornal algum,  você vai ficar sabendo.    E aí, é correr pro abraço!!!

Anúncios

Facebook, ex-mistério; Já as Pessoas Ordinárias…

É impressionante como na vida a gente aprende tudo.  Facebook para mim, até outro dia, era um mistério;  agora há pouco, até passei uma cantadinha leve em uma menina bonita  que está do outro lado do país.

Eu aprendo tudo, menos suportar  Filhos da Puta, pessoas ordinárias!!!  E como tem gente que é filha da puta no último estágio!!!  Não digo que só eles estão no Planeta, pelo contrário: há muito,  infinitamente, mais gente boa.  Entretanto,  pessoas filhas da puta no último  estágio existem mesmo.  De qualquer forma,  azar delas, porque as coisas se resolvem e aí fica como a piada.

O bêbado diz para a mulher:

– Poxa, como você feia!!!

A mulher:

– Poxa, é como você é  bêbado!!!

O bêbado:

– Amanhã eu tô bom e você vai continuar feia.

Voltando aos filhos da puta.  Eles são passageiros  e, uma vez “passados”, saem  de nossas vidas.  Entretanto, tal qual a feiura da mulher da piada, a filha da putice deles vai acompanhá-los até o inferno.  E no inferno, se Deus quiser, o Diabo dá um jeito neles!!!

Quanto às feias, não existem, ainda bem, apenas Vinicius de Moraes  no Mundo, para quem a beleza era fundamental.  Que Deus as Proteja!!!

 

Crédito ilimitado com a Humanidade, Diabo e até Mesmo com Deus???

Uma dúvida que tenho tido nos últimos dias.  Será que arrogantes, prestes a partir desse mundo, crêem que Deus (ou o Diabo) também estará(ão)  eternamente em débito com eles, como  supunham que a humanidade sempre estivera???

Aliás, de acordo com piada de domínio público, o governador da Bahia Antônio Carlos Magalhães,  ACM,  tinha plena consciência de onde e, principalmente, como passaria a eternidade.  Se quiser ler, clique

Lula, Cristo e Judas

Lula explicou-se e explicou atitudes de políticos com suas figuras de linguagem de sempre em entrevista publicada hoje na Folha de São Paulo. Ele disse:

“Se Jesus Cristo viesse para cá e Judas tivesse a votação num partido qualquer, Jesus teria de chamar Judas para fazer coalizão.”

O homem, principalmente o homem do século 21, tem infinitas escolhas de atividades para exercer, desde as mais rotineiras,  tais quais – dentista, jardineiro,  contador, motorista, técnico agrícola;  quanto as mais fascinantes : tenista profissional, piloto de Fórmula 1,  alpinista, cantor de rock ou de ópera, artista plástico.-

Pois bem,  supor que Jesus Cristo seria exatamente  político é muito curioso. 

Vale lembrar a piadinha de domínio público que já publiquei aqui.  Lá vai:

O Diabo aparece em um avião de carreira e avisa que vai derrubá-lo.
Passageiros e tripulação, em pânico. Tranquilamente ACM, que estava a bordo, diz:
– Deixa pra mim.
E dirige-se ao Diabo:
– Diabo, é o seguinte. Eu sou de uma cidade, Salvador, que tem um prefeito. O prefeito não manda nada. Quem manda sou eu. Salvador fica na Bahia, que tem um governador. O governador não manda nada. Quem manda sou eu. A Bahia fica no Brasil que tem um presidente que também não manda nada. Quem manda sou eu.
ACM continua:
– Diabo, eu tenho certeza de que não vou pro céu!!!
O Diabo desaparece e o avião continua voando em céu de brigadeiro.
++++++++++++++++

Se a voz do povo é a voz de Deus, não se precisa dizer mais.

ACM – Duas Histórias e uma Piada.

De 20.07.07

História 1

Celsinho era um baiano simpático e ultra discreto que conheci em Bournemouth, sul da Inglaterra, no início de 73. Gente muito fina, sempre fazia parte dos grupos que organizávamos para ir a Londres nos fins de semana e para os shows de Rock.

Alguém me havia dito que seu pai era banqueiro.

Pois bem, no carnaval de 74 estava com outro amigo e ele no sofisticado clube da Barra, em Salvador. Cruza conosco Antônio Carlos Magalhães. Educado e gentil, Celsinho o cumprimenta. ACM pára Celsinho e faz festa:

– Diga para seu pai que eu mandei um abraço.

– Pode deixar, governador, eu digo, responde de maneira atenciosa meu conhecido.

– Celsinho, não vá se esquecer, hein. Diga que Antônio Carlos Magalhães mandou um abraço.

– Não me esqueço. Fique sossegado!!!, sorriu e despediu-se meu amigo.

Fiquei impressionado.

******************************

História 2

Renata, minha colega de faculdade, era um mulheraço. Tanto era, que hoje, trinta anos depois, ela vive com um garoto que têm a idade do filho dela.

Imaginar Renata há vinte e tantos anos é agradável exercício que deixo aqui para todos os leitores do sexo masculino.

Pois bem, logo depois de formada, Renata arranja um ótimo emprego em Empresa subordinada ao Ministério das Comunicações, na época em que ACM era Ministro. Diziam as más línguas (ou boas, dependendo do ponto de vista de cada um) que Renata conseguira o cargo às custas de uma transadinha com ACM.

Renata nunca confirmou, mas também nunca desmentiu!!!

*********************

Piada de domínio público.

Embora a ocasião não seja propícia para esse tipo de piada, não posso deixar passar o gancho.

O Diabo aparece em um avião de carreira e avisa que vai derrubá-lo.
Passageiros e tripulação, em pânico. Tranquilamente ACM, que estava a bordo, diz:

– Deixa pra mim.

E dirige-se ao Diabo:

– Diabo, é o seguinte. Eu sou de uma cidade, Salvador, que tem um prefeito. O prefeito não manda nada. Quem manda sou eu. Salvador fica na Bahia, que tem um governador. O governador não manda nada. Quem manda sou eu. A Bahia fica no Brasil que tem um presidente que também não manda nada. Quem manda sou eu.

ACM continua:

– Diabo, eu tenho certeza de que não vou pro céu!!!

O Diabo desaparece e o avião continua voando em céu de brigadeiro.

***

Se o Diabo está na iminência de perder seu cargo ou se ACM já tá conchavando para formar um governo paralelo no Céu é coisa que cada um de nós só vai saber quando chegar a nossa vez.

DEUS E O DIABO – PERSISTÊNCIA E RENÚNCIA

De 19.07.07

No maravilhoso filme MEDOS PRIVADOS EM LUGARES PÚBLICOS, do diretor Alain Resnais, recém-lançado em S. Paulo, densa personagem feminina, como densas são todas as personagens do filme, filosofa:

– O diabo quer que você desista. Deus quer que você persista.

É exatamente isso!!!

A persistência constrói sempre. A desistência frustra sempre. Principalmente na busca da Justiça. Usando a teoria da personagem, se você – injustiçado – desiste, o diabo venceu.

A persistência significará, na pior das hipóteses, que Deus quer, através de você, por paradoxal que pareça, infernizar a vida daquele que merece ser infernizado.

Uma Justiça mais eficiente e rápida faria que esses infernos fossem infinitamente abreviados. Abreviados para todos.

Mas, fazer o que???

Fazer qualquer coisa, exceto desistir. O diabo não pode vencer!!!